Thalys_ Image Banner 728 x 90
Salamis, Chipre

Salamis, Chipre

Salamis foi uma das cidades mais importantes de sua época. Como Chipre foi uma grande ilha comercial, isso trouxe muitas riquezas à cidade, que está à beira do mar.
Diz a lenda que Salamis foi fundada pelo arqueiro Teucer. De acordo com Homero, Teucer foi o filho do Rei Telamon e Rainha Hesione, ele era o Rei de Salamis em Ática e ela foi a filha do Rei Laomedon de Tróia.
Teucer lutou pela Grécia contra seus primos Hector e Páris, durante a Guerra de Tróia. Ele foi um dos soldados que estava dentro do Cavalo de Tróia e conseguiu atirar algumas flechas em Hector, mas Apollo o protegeu com seu escudo. Sendo assim, Hector conseguiu jogar uma pedra em Teucer e o feriu.
Depois da guerra, Rei Telamon deserdou o seu filho Teucer, por ter falhado em prevenir o suícidio de seu meio-irmão Ajax. A história diz que quando Aquiles foi morto durante a batalha, Ajax conseguiu tirar o seu corpo da cidade. Mas ele não foi escolhido para liderar o exército grego no lugar de Aquiles, e sim Odisseus. Tomado pela a humilhação, Ajax colocou sua espada de pé no chão e se jogou em cima.
Depois de Teucer ter sido banido, ele navegou até Chipre, onde ele criou sua própria cidade, também chamada Salamis.
Templo de Zeus, Salamis, Chipre

Templo de Zeus, Salamis, Chipre

Mas os primeiros achados arqueológicos da área datam o século XII a.C., durante uma Era de Bronze tardia.
A partir dessa época, Salamis sempre foi considerada a grande capital do país.
Muitas civilizações governaram a cidade ao longo dos séculos, os persas, egípcios, assírios e romanos…
Apesar de grande parte da cidade ainda estar enterrada, a pesquisa arqueológica ainda está em andamento e já existem muitos lugares para os turistas visitarem.
Por exemplo o lindo anfiteatro que consiste  de 50 fileiras de assentos que podem abrigar aproximadamente 15.000 pessoas.
A cidade também conteve um Gymnasium, banhos romanos com piscinas quentes e frias, latrinas públicas, um porto, um templo de Zeus e também uma igreja bizantina.
Interessante é ver o “encanamento” dos banhos romanos, e como eles esquentavam a água para a piscina aquecida. Uma tecnologia incrivelmente avançada.
Muito disso ainda pode ser visto hoje, até os mosaicos e pinturas estão na maior parte intactos. Lá você também verá várias estátuas, e essas estão infelizmente todas sem cabeças. As cabeças foram cortadas  quando os cristãos tomaram a cidade em 400 d.C. e quiseram apagar todas as ideologias pagãs e romanas.
Salamis foi parcialmente destruída por terremotos e maremotos, mas sua destruição final ocorreu durante a invasão árabe entre 647-649 d.C. Durante essa época a maioria dos residentes foram mortos ou fugiram para Famagusta e abandonaram a cidade.
Estátuas decapitadas

Estátuas decapitadas

Vista das ruínas da cidade

Vista das ruínas da cidade

Colunas do Templo de Zeus

Colunas do Templo de Zeus

Salamis, Chipre

Salamis, Chipre

Um dos mosaicos das ruínas da cidade

Um dos mosaicos no chao das ruínas da cidade

Anfiteatro

Anfiteatro

Anfiteatro

Anfiteatro

Mais sobre o Chipre e suas atrações, veja aqui.

Loja do Alemanha! Por que não? com roteiros e guias à venda, veja aqui.

Roteiros personalizados para toda a Europa, clique aqui.

Curta a página do Alemanha! Por que não? no Facebook clicando aqui.

Veja as fotos do Alemanha! Por que não? no Instagram.

Siga as informações do Alemanha! Por que não? no Twitter, @alemanhapqnao