Estátua de Martinho Lutero na Marktplatz em Wittenberg

Wittenberg é a cidade que mais está associada a Martinho Lutero (Martin Luther) na Alemanha, tanto que é chamada de Lutherstadt.

Fica às margens do Rio Elba e é importante pela história relacionada à Reforma Protestante. Vários dos seus edifícios estão associados com os acontecimentos daquela época.

Parte do mosteiro agostiniano em que Lutero habitou, primeiro como um monge e mais tarde como proprietário, com sua esposa e família, é preservado e virou um museu dedicado a Lutero e é o mais importante e interessante museu da Reforma na Alemanha, um espetáculo!! Além dos quartos bem preservados que foram usados por Lutero, o museu contém uma coleção de manuscritos insuperáveis da Reforma e muitos artefatos.

O púlpito onde ele pregou na igreja da cidade, seu manto de ensino e primeiras edições de seus livros estão nesse maravilhoso museu.

Você poderá visitar também o Lutherstuber (Sala de Lutero), um grande salão com teto feito de pranchas de madeira, e com um forno de azulejos renascentistas. Visite também a sala de aula onde Lutero ensinava a 400 alunos de uma vez só.

No pátio  do mosteiro está o Portal de Katharina, que foi presente de aniversário da esposa de Lutero.

Eu em frente a casa de Lutero, a Lutherhaus
Retrato de Lutero feito por Cranach, o Velho
Wittenberg5
Escritório de Lutero na Lutherhaus
Primeira edição da Bíblia traduzida para o alemão
Sala da casa de Lutero, a Lutherhaus

Em 1502, a Universidade de Wittenberg foi fundada e foi o “lar” de muitos pensadores importantes, entre eles Philipp Melanchthon (professor de grego em 1518), e seguidor importante de Lutero na Reforma.

Em 31 de outubro de 1517, Lutero pregou suas 95 teses contra a venda de indulgências pela igreja católica na porta da SchlossKirche, marcando o início da Reforma Protestante. Lutero está sepultado nessa igreja, e a placa de bronze sobre o seu túmulo é uma réplica feita em 1892.

A Schlosskirche faz parte de um grande complexo que abriga também um castelo construído entre 1490 a 1509.

Tudo relacionado a Lutero e a Melancthon foram adicionados à lista de Patrimônio Mundial da UNESCO em 1996.

Porta da Schlosskirche onde Lutero pregou as 95 teses

contra a igreja católica.

As 95 teses entalhadas na porta da igreja
Castelo de Wittenberg

Wittenberg é lar de inúmeros artefatos históricos importantes, como retratos e outras pinturas de Lucas Cranach, o Velho, e também seu filho de mesmo nome, chamado de o Jovem. A casa que abriga estas pinturas se chama Cranachhaus e ali há um museu com a história da família e várias obras dos Cranach.

No final da Segunda Guerra Mundial, Wittenberg foi ocupada por forças soviéticas e tornou-se parte da Alemanha Oriental em 1949. Durante o período da Alemanha Oriental, era parte do distrito de Halle.

Vale a pena uma longa caminhada pelo seu centro histórico: emocionante. Não deixe de visitar a Luthereich. Neste local, chamado de “Carvalho de Lutero”, ele queimou a bula papal de excomunhão em 1520. Em 1830 o carvalho agora existente foi plantado em sua homenagem.

Em 2017 serão comemorados os 500 anos da Reforma e está sendo preparada uma grande festa em todas as cidades relacionadas com Lutero, principalmente em Wittenberg.

Wittenberg11
Eu na Marktplatz com a estátua do Lutero e a prefeitura
Wittenberg12
A Marktplatz
Centro de Wittenberg com sua ruazinhas harmoniosas

Wittenberg16
Casa de Cranach
Luthereich