Booking.com

Mainz, a capital do estado da Renânia-Palatinado é famosa pela sua universidade, pela sua herança romana e como um grande centro de mídia por sediar um importante canal de tv alemão (ZDF), bem como a sua catedral românica e a imprensa de Gutenberg. O povo da cidade pode olhar para trás com orgulho de sua  história ao longo de quase dois mil anos.

A origem da cidade de Mainz é por volta de 38 a.C., quando os romanos construíram o acampamento militar “Moguntiacum”. Com uma localização previlegiada, na margem esquerda do rio Reno, frente à confluência com o rio Main, a cidade era ideal para o comércio.

Entre a rica herança cultural da cidade e famosa pelos seus excelentes vinhos, sendo conhecida como a capital do vinho da Alemanha, Mainz torna-se uma cidade irresistível. Vale a visita!

Ponte Theodor-Heuss-Bruecke e o rio Reno, em Mainz

Durante o dia, o centro da cidade possui uma agitação contagiante que percorre ruazinhas estreitas, passa por muitas lojas, boutiques e cafés ao redor da Kirchegarten, praça com o seu ar romântico recheada de casas de madeira em estilo enxaimel e a fonte Marienbrunnen. Esta é a parte mais bonita da cidade e que estende-se à sombra da imponente catedral.

À noite, logo se torna óbvio que Mainz é a capital do vinho da Alemanha.

Moradores, turistas e estudantes preferem desfrutar do maravilhoso vinho nos bares, pubs e tabernas típicas com decoração medieval e nomes inusitados: que tal tomar uma taça de vinho na taberna “ O Confessionário”?  Uma indicação, talvez, que os donos do estabelecimento nem sempre levam a religião a sério.

Por falar em religião, a cidade se tornou o centro de um dos mais importantes bispados da Europa ainda no ano de 747. A Catedral de Mainz é a prova viva: é um dos mais importantes edifícios eclesiásticos na Alemanha. Construído em 975, sob as ordens do bispo Willigis, esta catedral  é o centro espiritual da diocese de Mainz. Mil anos de histórias fantásticas por trás de seus portões, fazem desta catedral um espetáculo único.

Mainz também oferece uma riqueza de museus fascinantes. Entre os melhores está o Museu Gutenberg, homenagem ao filho mais ilustre da cidade, Johannes Gutenberg que introduziu a forma moderna de impressão de livros, a prensa móvel.

Não deixe de visitar o museu da catedral, impressionante.

Outro passeio maravilhoso por Mainz é fazer uma longa caminhada pela sua margem no incrível calçadão, e apreciar a imensidão do rio Reno, inesquecível!

Mainz
A linda Kirschgarten, com casas de estilo enxaimel dos séculos XVI a XVIII, e a catedral ao fundo
Mainz
A fonte Marienbrunnen, na Kirschgarten
Mainz
As ruazinhas da Kirschgarten
Mainz
A catedral de Mainz

 

Mainz
Criptas da catedral de Mainz. Ali estão enterrados os mais poderosos bispos de Mainz
Mainz
Monumento a Heinrich Ferdinand von der Leyen, dentro da catedral de Mainz, construído em 1706. Von der Leyen foi um importante bispo de Trier
Linda fonte em frente da catedral
Estátua de Gutenberg na agradável Gutenbergplatz. Nesta praça vê-se a marca do paralelo 50 norte e o Staatstheater (Teatro Nacional) belíssimo
Fachada do antigo museu Gutenberg. Atrás foi construído um prédio maior e moderno para abrigar as peças do museu antigo
O belíssimo Staatstheater, construção em estilo neoclássico erguida entre 1829-1833
Marca do paralelo 50 norte na calçada da Gutenbergplatz. O paralelo 50 é a linha imaginária que corta o globo terreste a 50 graus ao norte do Equador. A posição equivalente na América do Sul seria mais ou menos na Patagônia, no sul da Argentina.

 

Mais sobre a Alemanha, suas cidades e suas atrações, veja aqui.

Loja do Por que não? Travels com roteiros e guias à venda, veja aqui.

Roteiros personalizados para toda a Europa, clique aqui.

Curta a página do Por que não? Travels no Facebook clicando aqui.

Veja as fotos do Por que não? Travels no Instagram.

Siga as informações do Por que não? Travels no Twitter, @alemanhapqnao.