Münster fica a 150km de Colônia e é considerada a cidade das ciências, das esculturas e da Paz da Vestfália, pois aqui em 1648, o Tratado da Vestfália foi assinado, pondo fim à Guerra dos Trinta Anos.Fundada no ano de 793, Münster foi uma importante cidade da Liga Hanseática no século XIII.
Possui uma das maiores universidades da Alemanha, a Westfälische Wilhelms Universität, com mais de 48 mil alunos.Münster é uma metrópole impressionante e irresistível. Um passeio ao redor da cidade antiga é uma volta ao passado: começando pela Domplatz, praça onde está a incrível catedral, a Dom St. Paulus, construída entre 1225-1265, seguindo pela Prinzipalmarkt, rua que abriga a histórica prefeitura, onde no seu famoso salão aconteceu a assinatura da Paz da Vestfália, e a impressionante igreja St. Lamberti, em cujas torres se encontram gaiolas penduradas onde guardaram os corpos dos líderes anabatistas no ano de 1536, quando a sua comunidade foi devastada na cidade.
As casas em enxaimel na Prinzipalmarkt, são onde os visitantes sao atraídos para as lojas requintadas da cidade.Imperdíveis!!!

No final da Segunda Guerra Mundial, 90% da cidade velha estava em ruínas, mas a maior parte dela foi restaurada.

Um pouquinho da história dos Anabatistas:

Os anabatistas eram um grupo de cristãos que se revoltaram contra algumas doutrinas da igreja católica. Entre estas doutrinas estava a do batismo infantil. Por considerarem o batismo infantil sem qualquer base bíblica, os Anabatistas batizavam os convertidos que estivessem na idade adulta. O nome Anabatista significa “rebatizar”. E era o que faziam com os seus seguidores. Enfim, eles achavam um absurdo um bebê ser batizado se ainda nem tivesse escolhido qual fé seguiria no futuro.
Com o passar do tempo os Anabatista se tornaram radicais demais e queriam que suas leis atingissem toda a Alemanha e Áustria. Alguns dos seus líderes pregavam e seguiam a poligamia.

Em Münster, eles tomaram o poder no século XVI. Mas logo a igreja retomou o poder na cidade, o que culminou na morte de vários líderes desta entidade. Seus corpos foram colocados na torre da igreja de St.Lamberti em gaiolas. As gaiolas originais estão lá até hoje.

A Prinzipalmarkt e a igreja de St. Lamberti ao fundo
Torre da igreja de St. Lamberti e as gaiolas
As gaiolas na torre da igreja St. Lamberti
A prefeitura de Münster
A Domplatz e a catedral
A pitoresca Prinzpalmarkt e suas lindas casas: um comércio irresistível
Fonte ao lado da igreja de St. Lamberti
Salão histórico na prefeitura onde foi assinado a Lei da Vestfália
O tesouro mais precioso da catedral é este relógio astronômico de 1540. Ao meio dia, figuras animadas mostram Os Três Reis magos prestando homenagem ao Menino Jesus ao som de sinos. Lindo!
A Überwasserkirche (igreja sobre a água), ela tem este nome por causa do bairro onde ela fica: nas margens do rio Aa
Interior da Catedral de Münster
Interior da Catedral de Münster
A “Árvore de Jessé”, acima da entrada sudoeste da igreja de St. Lamberti